Passarinhada guiada por Octavio Campos Salles em Ilhabela, SP

  • Texto e fotos: Octavio Salles

A Ilha de São Sebastião, mais conhecida simplesmente pelo nome da cidade, Ilhabela, é uma das maiores reservas de Mata Atlântica preservada no país, com mais de 85% de seu território protegido pelo Parque Estadual de Ilhabela. Isolada do continente há pelo menos 30 mil anos por um profundo canal, a ilha permaneceu relativamente intocada ao longo dos últimos séculos, e ainda conta com uma população saudável de aves ameaçadas ou mesmo extintas em outras partes do bioma, como o macuco e a jacutinga.

Nesta viagem guiada ficaremos hospedados na fantástica Fazenda Retiro, inserida em meio à floresta e cercada por riachos de águas límpidas. A hospedagem em si já é um atrativo diferente, pois a decoração da casa principal é luxuosa, tendo sido algumas vezes fotografada para revistas de arquitetura e decoração. Durante a viagem visitaremos os principais pontos de observação na ilha, além de um passeio de barco para fotografar aves costeiras.

  • Quando: 20 a 23 de abril de 2017 (Feriado de Tiradentes).
  • Preço: R$ 850,00 por pessoa em pensão completa.
  • Incluso: Todas as refeições, hospedagem em quarto duplo na casa principal da Fazenda Retiro, passeio de barco em lancha Carbrasmar 25’, transporte dentro do itinerário com veículo 4×4, combustível, guia.
  • Contato: fotos@octaviosalles.com.br
  • Tel/WhatsApp: (12) 98848-3939

 

Itinerário

Quinta-feira (20/04) – chegada a partir das 14:00. Neste dia não haverá atividade guiada, o cliente pode chegar no horário que quiser para explorar livremente a área da fazenda ou caso queira conhecer a cidade de Ilhabela, alguma praia, etc. No final da tarde é comum encontrar papagaios-moleiro nas árvores ao redor da casa. Jantar na fazenda.

Sexta-feira (21/04) – café-da-manhã bem cedo e passarinhada guiada na Estrada de Castelhanos e na praia de mesmo nome. Essa estrada atravessa o Parque Estadual de Ilhabela, cobrindo altitudes desde o nível do mar até 700 metros, passando por floresta preservada onde iremos encontrar espécies diferentes de acordo com a altitude. Aves comumente encontradas incluem o papa-formiga-de-grota, cuspidor-de-máscara-preta, vira-folha, entufado, trepador-sobrancelha, limpa-folha-coroado, chorozinho-de-asa-vermelha, entre muitos outros. Nos bambuzais nativos iremos encontrar a choquinha-de-dorso-vermelho e o trovoada, entre outros.

No alto da estrada, no ponto onde atravessamos a cadeia de morros para o outro lado da ilha, iremos encontrar algumas espécies mais típicas de altitudes maiores, como o corocoxó e o beija-flor-de-garganta-rajada. Com calma podemos fotografar também o macuco e a tovaca-campainha. Com um pouco de sorte encontraremos um bandinho de jacutingas ou cuiú-cuiús alimentando-se calmamente em alguma árvore frutífera.

A praia fica do outro lado de Ilhabela, é bem selvagem e com ambientes naturais como mangue e restinga, onde podemos encontrar a difícil saracura-lisa. Na praia há algumas opções de restaurantes pé-na-areia para almoçar e descansar um pouco. Caso deseje, é possível tomar um banho de mar ou, se a água estiver clara, um mergulho guiado no canto da praia onde é possível ver muitos peixes diferentes, desde budiões coloridos, cavalo-marinho, salemas, robalos, garoupas e arraias enormes, além de tartarugas. Retorno passarinhando e corujada na estrada no início da noite. Neste ponto vamos tentar a coruja-preta. Jantar na fazenda.

Sábado (22/04) – café-da-manhã bem cedo e passarinhada guiada ao redor da fazenda e em trilhas na floresta. Podemos encontrar aqui uma grande variedade de aves, como tangará, araponga, caracoleiro, garrinchão-de-bico-comprido, surucuás, tucano-de-bico-verde, pica-pau-rei, tiê-sangue, papinho-amarelo, assanhadinho, etc. Almoço na fazenda. Na parte da tarde iremos explorar outros locais especiais, com ótimas vistas e bons pontos para encontrar um gavião-pega-macaco, além de um pontinho para sanã-castanha. Jantar na fazenda e corujada, com boas chances para murucututu-de-barriga-amarela.

Domingo (23/04) – café-da-manhã bem cedo e passarinhada de barco. Iremos explorar o Canal de São Sebastião onde vamos fotografar aves costeiras como trinta-réis-de-bico-vermelho, real e de bando. Atobás, gaivotas, tesourão e garças-azuis também serão encontrados. Com alguma sorte podemos encontrar uma ave mais oceânica, especialmente o bobo-pequeno. Almoço na fazenda e fim do tour.

 

Itens opcionais ao tour incluem quarto single, travessia de barco (deixar o carro estacionado em São Sebastião) e extensão customizada via terrestre ou de barco.