Ninguém deveria ser proibido de fotografar natureza no Brasil

Se você for proibido de fotografar natureza num parque municipal ou estadual do Estado de São Paulo, entre em contato comigo claudia.komesu@gmail.com. Desde março de 2016 os Parques Estaduais têm uma portaria a favor da observação de aves. Em julho de 2017 conseguimos algo semelhante com a Secretaria do Meio Ambiente da cidade de São Paulo. O secretário na época, sr. Gilberto Natalini, enviou um ofício aos gestores e publicou um PDF no site da Prefeitura, para que os birdwatchers parem de ter problemas com os seguranças que nos confundem com fotógrafos profissionais trabalhando. Temos colegas na Fundação Florestal e na Secretaria Municipal do Meio Ambiente de São Paulo que são totalmente a favor da fotografia e divulgação da natureza, e que podem ajudar caso haja algum gestor que ainda não entendeu a portaria FF 236/2016 ou o PDF de jul/2017 da prefeitura de São Paulo.

Os posts abaixo retratam uma parte da nossa luta. Além dos posts no Virtude, fiz vários posts no meu blog pessoal, e houve muito debate no Facebook, vários deles no grupo (Não) É proibido fotografar. Se a população não conhecer, frequentar e divulgar a natureza, as Unidades de Conservação continuarão sendo cada vez mais desmatadas, queimadas, e destruídas. http://virtude-ag.com/apenas-blogando-se-nao-for-pelo-uso-publico-como-salvar-a-natureza-parte-22-set15-por-claudia-komesu/.

Se você frequenta um parque que ainda não tem uma regulamentação como a dos parques estaduais e municipais de São Paulo, e está tendo problemas para fotografar, entre em contato com a administração do parque, mostra a portaria 236/2016 da Fundação Florestal, o PDF da Secretaria do Meio Ambiente de São Paulo, tente marcar uma reunião. Provavelmente você encontrará pessoas razoáveis e dispostas a dialogar. Sinta-se à vontade para usar qualquer um dos materiais desta página. Se precisar de ajuda para montar uma apresentação ou responder dúvidas dos funcionários, entre em contato: claudia.komesu@gmail.com

 

Para passarinhar com mais tranquilidade nos parques municipais de São Paulo, acesse o link, baixe o PDF, e ande com esse papel na mochila. Não é um cadastro, a prefeitura não fica com uma cópia, é apenas uma forma de tornar claro para o segurança que você pode fotografar natureza sem precisar falar com alguém da administração.

Texto: Claudia Komesu Fotos: vários amigos birdwatchers enviaram ou permitiram o uso de suas fotos para ilustrar o tema A publicação da portaria normativa FF 236/2016, em março de 2016, foi uma grande conquista para os observadores de aves que frequentam os parques estaduais do Estado de São Paulo. Um trabalho em equipe entre birdwatchers …

Você é um gestor de parque a favor da divulgação da natureza. Sabe que fotos e compartilhamento são essenciais para divulgar um local, sabe que os fotógrafos fazem um grande trabalho voluntário, gratuito e de boa vontade em divulgar os locais. Mas ao mesmo tempo precisa cumprir o regulamento que exige autorização prévia e pagamento …