Trilha-dos-tucanos_Marco-Cruz_03
papa-formiga-de-grota
Trilha-dos-Tucanos_Claudia-Komesu_02
maria-leque-do-sudeste
Trilha-dos-Tucanos_Claudia-Komesu_01
bico-chato-de-orelha-preta
Trilha-dos-Tucanos_Claudia-Komesu_04
maria-leque-do-sudeste
Trilha-dos-Tucanos_Claudia-Komesu_08
saíra-sete-cores na mata
Trilha-dos-Tucanos_Claudia-Komesu_16
Há áreas de mata fechada, e outras mais abertas
Trilha-dos-Tucanos_Claudia-Komesu_17
com essas incríveis árvores altas
Trilha-dos-Tucanos_Guilherme_03
benedito-de-testa-amarela
Trilha-dos-Tucanos_Guilherme_05
saíra-sete-cores no comedouro
Trilha-dos-Tucanos_Guilherme_09
rabo-branco-de-garganta-rajada
Trilha-dos-Tucanos_Guilherme_10
sanhaçu-de-encontro-amarelo

 

Oportunidade de ver aves de Mata Atlântica preservada em um local acolhedor, com comida caseira

  • Fotos: Guilherme Battistuzzo, Marco Cruz, Cristian Andrei, Claudia Komesu – todas feitas na Trilha dos Tucanos
  • Cartaz: Guilherme Battistuzzo
  • Texto: Claudia Komesu – o evento é da Trilha e do Guilherme, mas me ofereci pra escrever um post e ajudar na divulgação, pois conheço pessoalmente a Trilha (fui duas vezes no ano passado), e gosto muito do local e dos donos
  • Para ver mais fotos feitas na Trilha, entre no Wikiaves, Menu Fotos –> Busca avançada –> Digite Tapiraí – SP na cidade. A maioria das fotos foi feita na Trilha.
  • Posts no Virtude sobre a Trilha: http://virtude-ag.com/?s=trilha+dos+tucanos
  • Como reservar: https://www.facebook.com/guilherme.battistuzzo?fref=ts ou nos e-mails abaixo

Pascoa-na-Trilha-2015

A Trilha dos Tucanos é uma propriedade particular, com uma boa área de Mata Atlântica preservada. Os donos, Patrícia e Marco, decidiram abrir a propriedade para observação de aves por incentivo de Tomas Sigrist, da Avisbrasilis, que costumava ir à propriedade para observar as aves e desenhar.

Nas trilhas internas, é possível ver aves como o trepador-coleira, flautim, tietinga, pula-pula-ribeirinho, miudinho, pinto-do-mato, tapaculo-preto, juriti-gemedeira, surucuá-de-barriga-amarela, surucuá-variado, papa-formiga-de-grota, piolhinho-serrano, tangarazinho, macuquinho. O falcão-relógio já foi registrado mais de uma vez, e o pica-pau-de-cara-canela e o sabiá-cica também foram registrados no ano passado.

Os comedouros e a área em frente à sede são famosos. Aparecem pimentão, tico-tico-do-mato, catirumbava, benedito-de-testa-amarela, saíra-sete-cores. Além de periquito-rico, tiê-preto, sanhaçu-do-coqueiro, sanhaçu-cinzento, sanhaçu-de-encontro-amarelo. O anambezinho às vezes pousa numa árvore alta, em frente à sede, e na época certa as jacutingas aparecem para comer a frutificação das palmeiras.

A Trilha também ficou conhecida como um dos melhores locais para ver a maria-leque-do-sudeste, que costuma fazer ninho na beira de um riacho dentro da propriedade. Houve tantas visitas, que os proprietários pediram moderação para não correr o risco de estressar a ave. Eles pedem que não se use o playback na região do ninho, e respeitar a distância que a ave se sente confortável. Quando ela está pousada do outro lado do riacho, não tentar chegar por um outro caminho para se aproximar mais. Não há um ninho ativo agora, então vê-la é mais incerto, mas há alguma chance de avistá-la nesse território.

Marco Cruz considera a Trilha o melhor lugar para registrar o macuquinho. Já teve um encontro em que nem conseguia enquadrá-lo, de tão perto que ele apareceu.

A Trilha possui dois pequenos chalés, com cama de casal e beliche. Os chalés são circundados por mata, você acorda já com o som das aves, ou pode ser obrigado a sair correndo com a câmera porque ouviu a vocalização de um pica-pau-rei :)

As refeições são preparadas pela própria Patrícia, em panelas de barro no fogão à lenha. Frango com gengibre e farofa de banana são algumas das especialidades. Patrícia também preparar ótimas sopas de mandioca e carne.

Neste feriado de Páscoa, o guia ornitológico Guilherme Battistuzzo estará na Trilha. Guilherme é um guia experiente em diversos biomas, inclusive Amazônia. Sabe usar o playback de forma responsável, e proporcionará aos integrantes do grupo a oportunidade de ver e fotografar diversas aves da Mata Atlântica.

O preço do pacote é de apenas R$ 580 / pessoa, para um grupo de 4 participantes. Inclui 3 pernoites na trilha com pensão completa, e os serviços de guia do Guilherme.

 

Como chegar na Trilha dos Tucanos

Tapiraí fica a 160km de São Paulo, seriam umas 2h30 até a cidade, mais uns 30 minutos para chegar até a Trilha, que fica a cerca de 16km da pequena cidade de Tapiraí. Ao chegar na cidade, continue na estrada, assim que acabam as casas da cidade, marque 11 km, logo você verá a placa do km 164. A saída para a estradinha de terra é no km 164,5. A outra dica do Marco é reparar na descida e subida: o km 164,5 é logo que a estrada começa a subir. Há placas indicando a Trilha dos Tucanos. Em menos de 4km de terra você chega, é a propriedade no fim da estrada. A estrada é boa e não precisa ter carro especial.

 

Eventos

 

Outros passeios nos arredores de São Paulo