Agalycnis granulosa.jpg_Igor
(Agalycnis granulosa) por Igor Joventino Roberto
Araçari-miudinho-de-bico-riscado (Pteroglossus inscriptus) Stephen J Jones
Araçari-miudinho-de-bico-riscado (Pteroglossus inscriptus) por Stephen J Jones
Ceratopipra rubrocapilla Carlos Gussoni
cabeça-encarnada (Ceratopipra rubrocapilla) por Carlos Gussoni
Chiroxiphia pareola_Stephen J Jones
tangará-falso (Chiroxiphia pareola) por Stephen J Jones
Dactyloa punctata_Igor Joventino
(Dactyloa punctata) por Igor Joventino Roberto
Enyalius catenatus_Igor Joventino
(Enyalius catenatus) por Igor Joventino Roberto
Glaucis hirsutus Carlos Gussoni
balança-rabo-de-bico-torto (Glaucis hirsutus)
Glaucis hirsutus Gussoni
balança-rabo-de-bico-torto por Carlos Gussoni
Heliothryx auritus Carlos Gussoni
beija-flor-de-bochecha-azul (Heliothryx auritus) por Carlos Gussoni
Laterallus exilis_Stephen J Jones
sanã-do-capim (Laterallus exilis) por Stephen J Jones
Myrmoderus ruficaudus Carlos Gussoni
formigueiro-de-cauda-ruiva (Myrmoderus ruficaudus) por Carlos Gussoni
Papa-taoca-de-pernambuco (Pyriglena pernambucensis)_Stephen J Jones
Papa-taoca-de-pernambuco (Pyriglena pernambucensis) por Stephen J Jones
Phylloscartes ceciliae Carlos Gussoni
cara-pintada (Phylloscartes ceciliae) por Carlos Gussoni
Procnias averano__Ciro Albano
araponga-do-nordeste (Procnias averano) por Ciro Albano
Saltator maximus_Carlos Gussoni
tempera-viola (Saltator maximus) por Carlos Gussoni
Synallaxis infuscata_Ciro Albano
tatac (Synallaxis infuscata) por Ciro Albano
Tangara fastuosa_Ciro Albano
pintor-verdadeiro (Tangara fastuosa) por Ciro Albano
Thalurania watertonii_Ciro Albano
beija-flor-de-costas-violetas (Thalurania watertonii) por Ciro Albano
Touit surdus_Ciro Albano
apuim-de-cauda-amarela (Touit surdus) por Ciro Albano
Zidedê-do-nordeste (Terenura sicki)_Stephen J Jones
Zidedê-do-nordeste (Terenura sicki) por Stephen J Jones

 

Saiba mais sobre a RPPN mantida pela SAVE Brasil na Mata Atlântica

  • Texto: Tatiana Pongiluppi e Carlos Gussoni
  • Fotos: diversos autores
  • Observação de Claudia Komesu, editora do Virtude-AG: recentemente um colega birdwatcher pediu indicação de onde passarinhar na região de Porto de Galinhas. A Tatiana sugeriu a Serra do Urubu, que não fica tão distante. São uns 160km, cerca de 2h40. De Recife são uns 180km. Você pode ver no site http://www.serradourubu.org.br/ –> Programe sua visita –> Como chegar (pelo Chrome no meu notebook não abriu a página Como Chegar, mas pelo Internet Explorer sim).

A Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Pedra D’Anta faz parte do complexo florestal da Serra do Urubu, juntamente com a RPPN Frei Caneca forma um dos mais representativos fragmentos florestais (1.000 hectares) do Estado de Pernambuco. A RPPN Pedra D’Anta é de propriedade da organização sem fins lucrativos SAVE Brasil (Sociedade para a Conservação das Aves do Brasil) e está localizada no município de Lagoa dos Gatos, em Pernambuco. Possui 360 hectares, com altitude variando entre 600 e 750 metros.

Na área são encontradas 245 espécies de aves (a lista completa pode ser obtida no website da Reserva), incluindo 19 endêmicas do Centro Pernambuco e 10 globalmente ameaçadas de extinção! Além disso, são encontradas 25 espécies constantes na lista brasileira de aves ameaçadas!

Logo ao chegar à sede o observador já se depara com uma avifauna espetacular: inúmeros beija-flores (são encontradas 18 espécies na Reserva), merecendo destaque o endêmico beija-flor-de-costas-violetas (Thalurania watertonii), o balança-rabo-de-bico-torto (Glaucis hirsutus, facilmente observado nos aglomerados de Heliconia pendula em volta da casa) e o beija-flor-de-bochecha-azul (Heliothryx auritus, observado com facilidade nas flores do maracujá plantado ao lado da sede). Na frente da sede há um comedouro, onde é possível observar diversas espécies de saíras, tiés e sanhaçus, como a pipira-preta (Tachyphonus rufus), o saí-azul (Dacnis cayana) e, com um pouco de sorte, a saíra-beija-flor (Cyanerpes cyaneus).

As trilhas da Reserva, localizadas muito próximo à sede, são excelentes locais para se conhecer as aves típicas do Centro de Endemismos Pernambuco. São facilmente observados o formigueiro-de-cauda-ruiva (Myrmoderus ruficaudus), o papa-taoca-de-pernambuco (Pyriglena pernambucensis) e o chupa-dente (Conopophaga lineata cearae). Nas copas das árvores é possível observar o cara-pintada (Phylloscartes ceciliae), o pica-pau-anão-de-pintas-amarelas (Picumnus pernambucensis), a pomba-trocal (Patagioenas speciosa), o poiaeiro-de-pata-fina (Zimmerius gracilipes) e diversos bandos mistos, com bicos-virados (duas espécies), saíras-de-papo-preto (Hemithraupis guira), saíras-militares (Tangara cyanocephala corallina) e bicos-chatos-amarelos (Tolmomyias flaviventris). Nos emaranhados de galhos secos pode ser observado o ameaçado tatac (Synallaxis infuscata), a rara maria-do-nordeste (Hemitriccus mirandae) e o ferreirinho-de-testa-parda (Poecilotriccus fumifrons, comum no caminho para a RPPN Frei Caneca). Dentre as aves escaladoras de troncos, merecem destaque o arapaçu-rajado-do-nordeste (Xiphorhynchus atlanticus), o arapaçu-pardo-do-nordeste (Dendrocincla taunayi) e o arapaçu-de-bico-branco (Dendroplex picus). Sobrevoando a mata da RPPN, pode ser escutado com certa facilidade o canto do apuim-de-cauda-amarela (Touit surdus) e visualizado, com um pouco de sorte, o gavião-de-pescoço-branco (Leptodon forbesi).

Dentre as aves mais comuns do local, destacam-se o tangará-falso (Chiroxiphia pareola) e o cabeça-encarnada (Ceratopipra rubrocapilla). Ambos realizam belos displays de acasalamento, que podem ser vistos com facilidade durante o período reprodutivo.

Uma das grandes atrações para observação de aves na RPPN é a Pedra do Zidedê. Neste grande bloco rochoso na beira de uma trilha de fácil acesso é possível encontrar com facilidade o raro zidedê-do-nordeste (Terenura sicki). Devido à localização estratégica da pedra, os zidedês podem ser observados forrageando nas copas das árvores na altura dos olhos do observador!

Como chegar
O aeroporto mais próximo a Lagoa dos Gatos fica em Recife. De Recife a Lagoa dos Gatos são 185 km.

Partindo de Recife o motorista deve seguir pela BR 232 que liga Recife a Caruaru (trecho de 134 km). A partir de Caruaru deve seguir pela BR 104 (ir em direção a Murici-AL), passar pela cidade de Agrestina e entrar no município de Cupira (trecho de 37 km). Passar pela cidade de Cupira e seguir para Lagoa dos Gatos (percurso de 18 km). Saindo de Cupira chegará ao Entroncamento (distrito de Lagoa dos Gatos) onde há um posto de gasolina e uma praça. Antes de passar pelo posto deve-se virar à direita e seguir pela rua asfaltada, que dará acesso a uma rodovia que liga o distrito ao centro de Lagoa dos Gatos. Deve passar a prefeitura e chegar até a Igreja Matriz onde vai virar à esquerda e seguir até o final da rua, onde virará à esquerda novamente. A partir deste momento deve seguir as placas para a Reserva. Quando acabar o asfalto, você estará na estrada do porão. Após 2 km do início da estrada de terra haverá uma bifurcação onde deve continuar à direita e, após 3 km, deve seguir à direita (curva bem acentuada). Após 1,5 km deve virar à esquerda. A partir deste momento será possível avistar uma floresta que já faz parte da Reserva.

Onde ficar

Atualmente, a RPPN Pedra D’Anta não possui um alojamento (a SAVE Brasil está iniciando a negociação para a construção) e os visitantes ficam hospedados em pousadas na cidade de Lagoa dos Gatos.

A estrutura da RPPN conta com a casa do Zezito que é o guardião da Serra do Urubu. Todas as trilhas da Reserva partem da casa dele que fica logo na entrada da Reserva

Para agendar a sua visita ou obter maiores informações sobre a Reserva entre em contato pelo email: aves@savebrasil.org.br

Visite também a página da Reserva na internet: www.serradourubu.org.br

Acompanhe as notícias no Facebook: https://www.facebook.com/serradourubu?fref=ts

Quem preferir, existem algumas empresas de Birdwatching que já organizam roteiros especiais para a Serra do Urubu, como:
NE Brazil Birding (http://www.nebrazilbirding.com/)
Boute Expeditions (http://www.boute-expeditions.com/pt/)

 

Ações a favor da divulgação do birdwatching e da conservação da natureza (+)