Já falei aqui de minha predileção por aves aquáticas em seus ambientes molhados e, desta vez, vou mostrar algumas espécies facilmente encontradas em parques municipais, lagos naturais ou artificiais, lagoas de pesque-pague, rios, inclusive dentro das cidades e banhados na beira de estradas do interior. São, como a Claudia denominou, “Belas e Fáceis” e basta …

Acho que, assim como eu, todo birdwatcher tem suas predileções por uma determinada espécie ou família ou mesmo algumas famílias de comportamento ou características físicas similares (migratórios, noturnos, frugívoros, grandes, pequenos, etc.). Acho que os beija-flores, as corujas e os rapinantes devem estar no topo das preferências (aliás, daria uma bela enquete!).