Caçando a beleza das aves, abr/12. Por João Quental.

Foco, nitidez, contraste, saturação de cores, tudo isso é alcançado hoje de uma maneira que seria considerada ficção científica no passado. Com isso, porém, não quero dizer que a fotografia de aves tenha se tornado “fácil”. Não, ela continua desafiadora, envolvendo sorte, conhecimento ornitológico e muita, muita paciência.