Roteiro: Senhora de Oliveira e Rio Espera - MG, 2 noites, por Minas Birding Tour

Roteiro: Senhora de Oliveira e Rio Espera - MG, 2 noites, por Minas Birding Tour

Dentre as diversas espécies catalogadas nos pontos de observação estão tucano-de-bico-preto, surucuá-variado, trepador-coleira, tico-tico-do-mato, araçari-de-bico-branco, pichororé e tiê-sangue. Merece destaque o gavião-pega-macaco (...)

Roteiro: Senhora de Oliveira e Rio Espera - MG, 2 noites, por Minas Birding Tour
Viagem: Serra Bonita e Veracel - BA, parte 4-4, out/14, por Silvia Linhares

Viagem: Serra Bonita e Veracel - BA, parte 4-4, out/14, por Silvia Linhares

Da minha parte nada posso reclamar, pois saí de casa com 781 espécies fotografadas e voltei com 877. Foram 96 lifers. Sem contar a melhoria das fotos de muitos registros. E, além disso, adicionei mais 4 bandeirinhas para o meu colete.

Viagem: Serra Bonita e Veracel - BA, parte 4-4, out/14, por Silvia Linhares
Viagem: Chapada Diamantina e Boa Nova - BA, parte 3-4, out/14, por Silvia Linhares

Viagem: Chapada Diamantina e Boa Nova - BA, parte 3-4, out/14, por Silvia Linhares

Mas o melhor ainda estava por vir. A gente foi para o famoso lajedo dos beija-flores, que é um jardim divino. Nunca vi um lugar natural tão diferente e prazeroso.

Viagem: Chapada Diamantina e Boa Nova - BA, parte 3-4, out/14, por Silvia Linhares
Viagem: Baturité, Quixadá, Araripe, Canudos - BA e CE, parte 2-4, set-out/14, por Silvia Linhares

Viagem: Baturité, Quixadá, Araripe, Canudos - BA e CE, parte 2-4, set-out/14, por Silvia Linhares

A Caatinga nos presenteia com cenas espetaculares, um visual estonteante e um colorido ímpar. Sejam aves, paisagens, flores, insetos, tudo é muito bonito e diferente. A flora da Caatinga é tão marcante na paisagem que dela derivou o próprio nome do bioma (caatinga, do tupi = mata branca), assim chamada pelos índios pela sua característica, a de perder as folhas no período de estiagem, exibindo um emaranhado de troncos tortuosos e esbranquiçados.

Viagem: Baturité, Quixadá, Araripe, Canudos - BA e CE, parte 2-4, set-out/14, por Silvia Linhares
Apenas Blogando: Por que passarinhar? Oito Bons Motivos para Passarinhar, fev/14, por Guto Carvalho

Apenas Blogando: Por que passarinhar? Oito Bons Motivos para Passarinhar, fev/14, por Guto Carvalho

Por fim, Passarinhar pode salvar sua vida. Um dia você vai estar voltando para casa do trabalho, deprimido. Seu filho está com gripe, a porcaria do carro está com a embreagem estragada… e amanhã é o seu aniversário. Outro ano se passou e mais uma vez você não triunfou na sua vida (...)

Apenas Blogando: Por que passarinhar? Oito Bons Motivos para Passarinhar, fev/14, por Guto Carvalho
Apenas Blogando: ser birdwatcher é ser observador ou guardião? fev/14, por Claudia Komesu

Apenas Blogando: ser birdwatcher é ser observador ou guardião? fev/14, por Claudia Komesu

Acredito que no discurso coletivo, deveríamos sempre estar falando sobre ações a favor da natureza, para que que cada vez mais o birdwatching seja identificado como algo que vai além de lifer, foto bonita, likes e pontos.

Apenas Blogando: ser birdwatcher é ser observador ou guardião? fev/14, por Claudia Komesu
Viagem: Delta do Parnaíba - PI, parte 1-4, set/14, por Silvia Linhares

Viagem: Delta do Parnaíba - PI, parte 1-4, set/14, por Silvia Linhares

Tour Nordeste é um pacote de viagem disponibilizado pelo guia ornitólogo Ciro Albano com a finalidade de observar aves, principalmente as endêmicas do Nordeste. Eu tive o prazer de compartilhar essa viagem com os amigos Rosemarí Julio, Claudia Brasileiro e Fernando Farias (apenas parte do roteiro), percorrendo o interior do Ceará e da Bahia. Antes de iniciar o roteiro com o Ciro, dei uma "passadinha" por minha conta pelo Piauí para realizar um sonho antigo: conhecer o Delta do Parnaíba.

Viagem: Delta do Parnaíba - PI, parte 1-4, set/14, por Silvia Linhares
Apenas Blogando: É possível ser birdwatcher, mas não ser movido por lifers? fev/15, por Claudia Komesu

Apenas Blogando: É possível ser birdwatcher, mas não ser movido por lifers? fev/15, por Claudia Komesu

Ninguém precisa abdicar da busca por lifers, ou achar que isso é errado de alguma forma. O convite é bastante simples: experimente também entrar na sintonia do slow em alguns passeios, ou então mudar de sintonia se o seu passeio hardcore não estiver rendendo o que você esperava.

Apenas Blogando: É possível ser birdwatcher, mas não ser movido por lifers? fev/15, por Claudia Komesu

 

Atividades programadas para birdwatchers